CabeçalhoConteúdoNewsletterRodapé

Mercados por TradingView

Quais são os principais riscos do mercado financeiro?

18 de julho de 2023
Escrito por Syntax Finance
Tempo de leitura: 5 min
Compartilhar

Investir no mercado financeiro, inclusive na bolsa de valores, está se tornando um hábito cada vez mais frequente entre os brasileiros. Contudo, muitos ainda ficam receosos por conta dos possíveis riscos, principalmente em cenários desfavoráveis.

Para evitar que isso aconteça, conheça melhor os principais tipos de riscos do mercado financeiro e entenda como reduzir, ao máximo, os seus efeitos em uma carteira de investimentos. Siga a leitura e confira!

Veja como abordaremos esse assunto:
Pra começar, o que são riscos do mercado financeiro?
Quais são os tipos de riscos do mercado financeiro?
Como evitar os riscos do mercado financeiro?
Considerações sobre os principais riscos do mercado

Continue a leitura e saiba como evitar que os riscos de mercado afetem o seu planejamento financeiro.

Pra começar, o que são riscos do mercado financeiro?

Entende-se por riscos todas as variáveis que podem comprometer um determinado resultado esperado. Eles são as incertezas por trás de todas as decisões que tomamos em nossas vidas. 

No mercado financeiro, os riscos correspondem aos inúmeros fatores que podem afetar o retorno esperado de um investimento, seja um fato econômico, político, organizacional, operacional ou até mesmo climático.

Em geral, quanto maior o nível de incerteza relacionado ao retorno de ativo financeiro, maior será o seu grau de risco. Por este motivo, as modalidades consideradas mais arrojadas tendem a entregar rentabilidades mais atrativas. 

Contudo, o risco também está presente nas classes de ativos mais conservadoras, como a poupança e outros investimentos em renda fixa.

Quais são os tipos de riscos do mercado financeiro?

Como visto, os riscos estão por todos os lados. No mercado financeiro, existem aqueles completamente inesperados, que afetam o sistema como um todo, mais conhecido como risco sistêmico. Um bom exemplo foi a chegada do covid-19, que impactou o mundo. 

Por outro lado, existem os riscos não-sistêmicos que influenciam apenas um determinado segmento.

A seguir, confira os principais tipos de riscos financeiros:

  1. Risco de Mercado

Diz respeito ao risco de perda financeira diante das oscilações do mercado, seja por conta de mudanças repentinas nas taxas de juros ou mesmo cambial. 

Embora o risco de mercado não seja eliminado com a diversificação, ele pode ser gerenciado e minimizado por meio de estratégias de proteção (hedge) e da escolha cuidadosa dos ativos financeiros.

Em geral, as aplicações em renda variável, como ações, futuros e alguns fundos de investimentos, são mais sensíveis a esse tipo de risco financeiro. 

  1. Risco de Crédito

Refere-se ao risco de inadimplência, seja por falência ou mesmo calote, por parte do emissor de um título. Logo, a  capacidade de pagamento de uma instituição determinará seu nível de risco de crédito. 

Por isso, no processo de investimento é fundamental fazer uma análise de crédito aprofundada, avaliar o patrimônio da empresa, o seu grau de alavancagem, a sua reputação no mercado, além do seu rating (classificação de risco de crédito).

  1. Risco de Liquidez

Trata-se da possibilidade de não vender um determinado ativo financeiro e assim não conseguir reaver o dinheiro no período desejado. Quanto mais rápido um ativo pode ser resgatado, maior a sua liquidez

Contudo, alguns possuem regras que não permitem a sua liquidação antes de um determinado período ou vencimento, a famosa “carência”. Já outros, se resgatados antes do prazo, oferecem mais risco de perda financeira para o investidor.

  1. Risco Legal

Risco comum a agentes ou instituições que atuam em um mercado ainda não regulamentado e/ou fiscalizado por órgãos como o Banco Central e a Comissão de Valores Mobiliários (CVM). 

Todo rendimento oriundo de uma aplicação financeira deve ser transparente ou respaldado por instituições de fiscalização, do contrário os investimentos podem não se cumprir, uma vez que não são considerados juridicamente seguros. 

  1. Risco Operacional

Trata-se do risco que toda empresa ou instituição possui de cometer erros, propositais (fraudes) ou não, em suas operações. 

A melhor estratégia para evitar ou reduzir esse tipo de risco consiste em acompanhar os relatórios emitidos pela empresa e seus indicadores, de modo a identificar antecipadamente possíveis falhas.

Como evitar os riscos do mercado financeiro?

Nenhum ativo financeiro está totalmente livre de riscos. No entanto, existem algumas maneiras de mitigá-los e evitar que eles comprometam o desempenho da sua carteira de investimentos, como:

  • Diversificação. Uma carteira de ativos diversificada costuma ser menos impactada pelas oscilações do mercado, especialmente em um cenário de crise.
  • Avaliação do perfil de investidor. Ela é fundamental para escolher ativos financeiros com grau de exposição ao risco compatíveis com o seu perfil. 
  • Análise e Pesquisa. Fazer uma avaliação preliminar dos ativos, das empresas, do cenário econômico, das taxas de juros, e muito mais, também ajuda a mitigar os riscos do mercado.
  • Rebalanceamento regular da carteira. Ajustar periodicamente a composição do portfólio evita a alta exposição em uma determinada classe de ativos, além de manter a alocação original. 

Portanto, o mais importante é ter equilíbrio, disciplina e sensatez no processo de escolha dos investimentos. Quando o assunto é risco, saber respeitar os seus limites é fundamental para um resultado satisfatório e evitar surpresas desagradáveis.

Considerações sobre os principais riscos do mercado

Agora que você conhece os principais riscos do mercado financeiro, ficará muito mais fácil conviver com eles. 

Tenha sempre em mente que um planejamento financeiro com um bom gerenciamento de risco é uma excelente ferramenta para posicionar-se estrategicamente e aproveitar as inúmeras oportunidades que o mercado oferece. 

Contar com uma carteira diversificada, além de mitigar os riscos, permite que passe por momentos turbulentos e inesperados com segurança e tranquilidade.

O mercado é extremamente democrático e possui diferentes modalidades de investimentos capazes de suprir a necessidade de todos, desde os mais arrojados aos mais conservadores.

Gostou desse assunto? Então assine O Guia Financeiro VIP para ter acesso a conteúdos exclusivos sobre o mercado de capitais.

Se você ainda não é cliente Guide, abra a sua conta e invista com quem te entende!

Você também pode se interessar por:

[IN-CONTENT] ABRA SUA CONTA [NOVO] - NORMAL - END
Compartilhar artigo

Baixe agora o E-book Como declarar investimentos no Imposto de Renda 2024?

Enviando...

Veja também

Fique por dentro

Assine a nossa newsletter semanal

e não perca nenhuma novidade do nosso portal gratuito e da área de assinante com conteúdo exclusivo!

/ Enviando...